Blog

Autoperdão – A arte de acolher a si mesma e ser feliz

Autoperdão

A gravidez na maturidade muitas vezes exige uma mudança de vida. E para isso, um dos primeiros passos a tomar é o autoperdão. Muitas mulheres que chegam à maturidade sem ter seus filhos se culpam de forma muito dura e em suas mentes elas criam motivos para se punirem. Culpa pelo adiamento da gravidez, culpa por terceirizar a sua felicidade, culpa pelo medo que sentem de serem mães (e os motivos são muitos), culpa pelos traumas do passado, pela falta de escolha e até mesmo por suas doenças.

Mas, como eu disse anteriormente, o autoperdão é o primeiro passo para uma revolução que acontecerá na sua vida, se estiver disposta. A seguir, saiba mais!

O que é autoperdão?

O autoperdão é o perdão que uma pessoa dá a si mesma, a fim de tornar a vida possível. Nem tudo o que aconteceu com você até este momento é culpa sua. E aquilo que tem a ver com uma escolha errada, um ato falho ou qualquer atitude danosa que possa ter feito, pode ser o seu perdão, se assim você permitir.

Não se culpe por nada – nem culpas imaginárias (que são as mais frequentes em nossas mentes) e nem as que acha que são reais. Nem sempre erramos porque queremos e sempre temos como nos perdoar pelas coisas. E quando precisamos pedir perdão aos outros, antes precisamos nos perdoar e nos libertar.

A importância de se libertar

Nem sempre temos condições de agir como queremos e há coisas que nos fogem à responsabilidade. Em outros casos, há coisas que simplesmente acontecem, e não é culpa de ninguém – e tomamos a culpa para nós. Há ainda agressões, violências e traumas que sofremos, mas é muito comum a vítima se sentir culpada, sem ser.

 

Tudo isso precisa ser libertado agora da sua vida, para que possa seguir em frente e construir uma nova realidade com uma visão sem culpa e sem medo de ser feliz. Isso pode levar tempo, mas é necessário para que você entre no fluxo da vida novamente, e para que o seu corpo não somatize mais problemas de causas emocionais.

Limpeza das memórias e nova vida

A terapia é a primeira indicação que dou para começar o processo de autoperdão, que tantas vezes tem a ver com a fertilidade e a capacidade de seguirmos em frente. A prática das afirmações diárias – com frases de autoperdão, merecimento e tomada de posse das suas capacidades – é outra dica que deixo para que você liberte hoje do que causa peso na sua mente e no seu coração. O autocuidado é uma forma de se aproximar mais de você mesma e entender que você merece mais da vida do que se culpar.

Técnicas como ho’oponopono, EFT, visualização, meditação e outras também são fantásticas para liberar memórias de culpa e para que você se permita o perdão. Perdoe a si, a todos os que lhe fizeram mal (pois perdoar não é conviver), aos eventos ruins da vida, às memórias e traumas. Com isso você se liberta e pode começar de novo, com mais leveza.

Conheça o Gravidez na Maturidade!

Você já conhece o projeto Gravidez na Maturidade? É a maior comunidade de mulheres que desejam engravidar e especialistas em gravidez tardia do Brasil, e você também pode fazer parte.

Eu crie este projeto para ajudar você a encontrar conhecimentos necessários, uma vez que a falta de conhecimentos é o maior desafio das mulheres que desejam engravidar após os 40 anos. Eu passei por isso, mas você não precisa passar.

E mesmo com apenas 1% de chances, eu fui mãe aos 46 e aos 48 anos. Se eu consegui, você também pode.

Conheça todos os cursos, palestras, lives, mentorias, materiais exclusivos, consultoria, consultas, grupos de apoio e muito mais. Tudo o que você precisa saber em um só lugar! Acesse este link e confira as novidades deste projeto.

Veja também: Gravidez na Maturidade – Fui mãe aos 48 anos!

Gostou desta matéria sobre autoperdão? Deixe um comentário a seguir! Compartilhe estas informações também nas suas redes sociais! Siga o Gravidez na Maturidade por Ana Poltera no Instagram e no Youtube!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Controle sua Privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Ao continuar navegando neste site você declara estar cientes dos termos abaixo:

Política de privacidade
Termos de Uso